domingo, 18 de janeiro de 2009

Passei!

Dos últimos textos publicados, um balanço e uma catarse. Duas conclusões: de que fiz o melhor que pude com meu ano, e de que o melhor que me resta a fazer é deixar que o tempo, senhor de todas as coisas, cuide de “dar a César o que é de César”. Dois textos em que faço uma avaliação de quem tenho sido.

Terminei meu “balanço” feliz comigo e com as coisas que realizei. Já era o suficiente para o que eu tinha me proposto. Já era demais para quem ainda está aprendendo a caminhar com as próprias pernas, e buscar suas conquistas. Mas como Deus dá chuva a quem ara seu campo e semeia, colhi mais uma grande alegria; coroei mais uma caminhada com uma vitória: fui APROVADA para o vestibular da Universidade Estadual do Piauí, para o curso de jornalismo.

Ninguém pode mensurar minha alegria.

Nesse mês e meio que tive para estudar sacrifiquei encontros com amigos, saídas com o marido, e deixei de ir vê-lo tocar [coisa que adoro] muitas e muitas vezes. Inventei estratégias pra vencer o calor, a preguiça e o desânimo. Venci o meu próprio descrédito, e apostei no meio, e não no fim. Optei por curtir o processo de preparação, como se isso fosse um jogo, uma diversão. Convenci-me que adorava inglês e geografia, apaixonei-me ainda mais por literatura e história e casei-me com a língua portuguesa.

Saí do último dia de prova certa de que havia feito o meu melhor, e qualquer que fosse o resultado, eu havia cumprido o desafio que tinha me imposto. Com o resultado positivo aprendi mais uma lição: todo o esforço será abençoado, se nele colocarmos o nosso coração.

A festa foi na Praça do Calango, claro! E como uma imagem vale mais que mil palavras, como se diz por aí, cá estão as fotos:

O primeiro brinde do dia. O começo da festa, às 17 horas.

A alegria foi multiplicada por mil pela presença dessa galera. Crescemos todos juntos no centro de Teresina, mas não costumamos nos encontrar assim. Foi histórico!!

Taty, minha amiga desde os cinco anos de idade, hoje mora na Fraça. Chegou no dia anterior ao resultado, e eu pensei "não pode ser só coincidência". Ela aqui deu um sabor especial à comemoração. Sem falar que essa moleca deixa tudo muito mais divertido.

11 comentários:

Edilene disse...

Não somos amigas desde os 5 anos de idade,mas sim que outras encarnações.O que sinto e desejo à vcê é tudo de maravilhoso e eu sabía que se você não conseguisse agora, sería breve, póis ví de perto o esforço e a dedicação que levou você a ter êxito e sei tambêm que conseguirá tudo que você quiser(Amém). Beijos......
Edilene.

Bia Pontes disse...

Tá ouvindo? Tá ouvindo?
São as minhas palmas!!!

Rosinha disse...

Xero.
Adoroooo, a forma de vc escrever. Leveeeeeee, linda.

Rainha de Copas disse...

parabens, frô.

[vim avisar da volta do Reino. ;*]

Rosa Magalhães disse...

Seja bem-vinda, companheira!! O jornalismo piauiense precisa de mais sensibilidade, então bora se jogar que o mundo é nosso! rsrs. Parabéns, Sankinha...

Rosinha disse...

Saudades de vc.

Lela disse...

Passando e deixando um carinho reistrado por aqui!
Cheiro!

Bia Pontes disse...

Oi queridona!
Estou com blog novo, o endereço é quase igual mas é diferente rs. O Mirada continua no ar, mas devo ficar mais neste por enquanto.
Será bem-vinda quando quiser: Closet (http://bbiapontes.blogspot.com )
beijos,
Bia

Ana Libório disse...

Eu dou umas sumidinhas, mas vc...DESAPARECE!!!rs

Beijo!

Anucha Melo disse...

acoridei precisada do teu abraço de urso... mas hj tem corso e o povo da praça do kalango tá em festa, né? bj

José María Souza Costa disse...

O seu blog, é muitissimo interessante. Estou aqui lhe convidando a visitar o meu, e se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei grato lhe esperando lá
www.josemariacostaescreveu.blogspot.com